ARTIGO

Sob o império da retórica no Estado

Há uma contradição omitida pelos editoriais de apoio a Sartori. Como um governo passa 21 meses atrasando salários e às vésperas da eleição propõe indenização aos servidores? Das duas uma: ou há dinheiro e a opção pelo parcelamento é ideológica e não financeira, como mostram números da Secretaria da Fazenda, ou, de fato, não há dinheiro e Sartori faz proselitismo para atenuar o impacto do parcelamento de salários. O governo do PMDB vai se notabilizar pela retórica e anúncios vazios. Assumiu com afirmações lacônicas, sobre fazer o que era preciso, mas a 15 meses de acabar sua gestão, não mexeu um milímetro nas questões estruturais do Estado.

Cancelou nomeações na segurança pública, que em seu governo chegou ao menor efetivo em 35 anos, e anunciou o maior concurso público da história para a área. Até agora nem o edital foi publicado. Culpa o passado, a crise econômica e a oposição, minoria na Assembleia Legislativa, enquanto sua própria base, que é maioria, reclama da má qualidade dos projetos e da falta de diálogo.

Pudera, é um governo que combate a inteligência e o conhecimento científico, extinguindo fundações de pesquisa com mais de 40 anos de produção. Dependente de uma estratégia de venda do patrimônio e da abertura do orçamento público à iniciativa privada, Sartori não concluiu nem o Presídio de Canoas, que recebeu com 95% das obras concluídas. A irrelevância política do governador dentro de seu próprio partido, somada à inoperância de ministros e deputados federais gaúchos próximos ao poder, só contribuiu para o isolamento do Rio Grande do Sul.

O Estado vive sob o império da retórica, onde o contraditório, elementar nas democracias, se tornou irrelevante. Aliás, os fatos parecem ter se tornado desprezíveis, substituídos por publicidade, por discursos fáceis que, pronunciados com pompa, circulam sem que se questione a veracidade ou a coerência com a realidade.

Deputada Stela Farias, Líder da bancada do PT

*Publicado originalmente no Jornal do Comércio

 

 

Publicado em 03/10/2017 às 11:08

Deputada Stela Farias, Líder da bancada do PT

BANCADA / stela

Compartilhar

Deputadas Estaduais

Stela Farias

Líder da Bancada

Stela Farias

Miriam Marroni

Vice-líder Partidária

Miriam Marroni

 

Deputados Estaduais

Edegar Pretto

Presidente da Assembleia Legislativa

Edegar Pretto

Luiz Fernando Mainardi

Vice-líder da Bancada

Luiz Fernando Mainardi

Tarcísio Zimmermann

Líder Partidário

Tarcísio Zimmermann

Endereço: Praça Marechal Deodoro, 101/506 - Porto Alegre-RS - Fones: (51)3210-2913 (Bancada) e (51)3210-1123 (Imprensa)
ptsul@ptsul.com.br

Projetado, desenvolvido e mantido pela coordenadoria da Bancada do PT/AL-RS

Este trabalho foi licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 3.0 Adaptada