PREVIDÊNCIA

Zé Nunes registra moção de repúdio

encaminhada por vereadores de Amaral Ferrador

Zé Nunes - Marcelo Bertani

Zé Nunes

Marcelo Bertani

O deputado Zé Nunes (PT) reproduziu, na sessão plenária desta quinta-feira (16), o texto de uma moção de repúdio ao projeto de reforma da previdência (PEC 287) encaminhada pelos vereadores Arimar Freitas Nunes, Suere Abreu Coelho e Lenara Vargas de Freitas, de Amaral Ferrador. Os efeitos negativos da proposta serão, segundo o parlamentar, mais acentuados no município cuja economia é baseada na agricultura familiar. Ele informou que assumiu o compromisso de difundir a opinião dos legislativos municipais que emitirem opinião e se comprometerem a combater “este projeto tão ruim para os trabalhadores brasileiros”.

Nunes também referiu as manifestações realizadas em todo o país nesta quarta-feira (15) em protesto às reformas trabalhista e da Previdência. Ele relatou que em São Lourenço do Sul houve a obstrução da BR 116 com mais de 100 tratores de agricultura familiar “para tentar mostrar ao governo federal e aos parlamentares federais que o povo está atento está vigilante ao voto que farão”.

BR 116

Zé Nunes aproveitou para para reiterar que, na próxima segunda-feira (20), a partir das 14 horas, ocorre a reunião da Frente Parlamentar pela Conclusão da Duplicação da BR 116 com a bancada federal gaúcha, com o secretário de planejamento do Ministério dos Transportes, Luciano de Castro e lideranças da região sul para iniciar uma profunda mobilização para dar andamento à obra.

Confira o texto da moção de repúdio:

Moção de Repúdio número 02 de 2017

Os vereadores vêm, através desta, ser solidários ao encaminhar a moção de repúdio à reforma da Previdência - PEC 287/2016.

Trata-se de uma moção de repúdio à PEC 287/2016, que tem como tema a reforma da Previdência, que propõe, entre outras alterações, extinguir a aposentadoria por tempo de contribuição e estabelecer como idade mínima única para aposentadoria aos 65 anos para praticamente todo o conjunto dos trabalhadores urbanos e rurais, o setor público e privado e os professores, homens e mulheres. Elevar o tempo mínimo de contribuição de 15 para 25 anos, mudar o cálculo e reduzir o valor dos benefícios previdenciários em geral, proibir acúmulo de benefícios, como contribuições. Esta proposta promove, portanto, o endurecimento das regras de acesso ao rebaixamento no valor médio dos benefícios.

Vereador Arimar Freitas Nunes, líder da bancada do PDT de Amaral Ferrador.

Vereador Suere Abreu Coelho, líder do governo de Amaral Ferrador.

Vereadora Lenara Vargas de Freitas, de Amaral Ferrador.

Texto: Denise Ritter (MTE 5584)

 

 

Publicado em 16/03/2017 às 17:59

Texto: Denise Ritter (MTE 5584)

BANCADA / zenunes

Compartilhar

Deputadas Estaduais

Stela Farias

Líder da Bancada

Stela Farias

Miriam Marroni

Vice-líder Partidária

Miriam Marroni

 

Deputados Estaduais

Edegar Pretto

Presidente da Assembleia Legislativa

Edegar Pretto

Luiz Fernando Mainardi

Vice-líder da Bancada

Luiz Fernando Mainardi

Tarcísio Zimmermann

Líder Partidário

Tarcísio Zimmermann

Endereço: Praça Marechal Deodoro, 101/506 - Porto Alegre-RS - Fones: (51)3210-2913 (Bancada) e (51)3210-1123 (Imprensa)
ptsul@ptsul.com.br

Projetado, desenvolvido e mantido pela coordenadoria da Bancada do PT/AL-RS

Este trabalho foi licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 3.0 Adaptada